ESTRATEGIAS – DICAS PARA O TREINO ABDOMINAL

ABS TREINO

Diversifique os tipos de abdominais, pois com o tempo a musculatura precisa de estímulos diferentes para continuar se desenvolvendo. Quem tem pouco força muscular, pode começar exercitando-se em um aparelho de academia até adquirir mais resistência;

Durante o exercício, você deve pensar nos músculos que estão sendo trabalhados e mandar as informações para mantê-los contraídos (principalmente na fase de descida).

Caso você sinta dor no pescoço ou na lombar, este é um sinal de que a execução não está correta e essas áreas estão sendo sobrecarregadas, o ideal é parar o exercício e consultar um profissional para auxiliá-lo.

Deixe os pés e pernas soltos, joelhos e quadris flexionados para que o esforço seja feito pela musculatura abdominal, evitando que outros músculos tornem-se os ‘protagonistas’ do movimento.

Lembre-se sempre da respiração durante o exercício. Um exemplo é expirar ao elevar os ombros do chão, e inspirar quando retornar.

É comum as pessoas acreditarem que fazendo abdominais, por exemplo, vão reduzir a gordura na barriga. Na verdade, esse tipo de atividade vai fortalecer a musculatura da região abdominal, deixá-la mais firme, mas pouco vai influenciar na perda de gordura.O que vai queimar gordura são os exercícios aeróbios (como corrida, natação, ciclismo, spinning,ginástica aeróbica, etc…).

Você precisa criar um ligeiro déficit calórico dentro de seu corpo para estimular o processo de queima de gordura. Isso normalmente pode ser alcançado diminuindo sua ingestão calórica global e centrando-se em consumir pequenas refeições com maior frequência ao longo do dia. Isso ira manter um constante estado de queima de gordura.

Se você deseja maximizar a sua capacidade de queima de gordura do organismo e também minimizar a perda muscular que acompanha inevitavelmente com a queima de gordura, faça o seguinte: Apenas 15 minutos de cardio workouts realizados 3-5 vezes por semana, com um elevado nível de intensidade.