Twitter GooglePlus Facebook Pinterest

9DICAS

O  Campeonato esta se aproximando, faltam poucos meses. Esta na hora de mudar a dieta e as estrategias de treinamento. O objetivo é ficar DEFINIDO, RASGADO e CORTADO perdendo peso em GORDURA. Abaixo 09 DICAS que podem ajuda-lo na FASE PRE-CONTEST.

1] CORTE OS CARBOIDRATOS EM 50%

O principal para perder gordura é controlar a quantidade de calorias. Consumindo menos do que gastamos, iremos metabolizar as gorduras e perder peso. Os carboidratos acarretam na liberação de um hormônio chamado insulina, que estimula o apetite e pode atrapalhar a queima de gorduras. Então, o seu primeiro passo é cortar as porções de carboidratos em 50%. Isso irá limitar a secreção de insulina na corrente sanguínea.

2] CONSUMA MAIS PROTEÍNAS ‘MAGRAS’

Você quer ganhar músculos e, no mínimo, manter o que já tem. As proteínas ajudam tremendamente em ambos os objetivos. Quando você diminui a ingestão de calorias, o risco de perder massa muscular aumenta. Uma forma de manter a ingestão adequada de proteínas é escolher as fontes protéicas mais “magras” possíveis.

Isso significa que elas devam conter o mínimo de gorduras e carboidratos em relação a outras fontes protéicas. Compare um peito de frango com uma coxa. Geralmente o peito terá 187 kcal, enquanto a coxa terá 287 kcal, tendo a mesma quantidade de proteínas.

Fontes “magras” de proteínas são:

  • Claras de ovos
  • Peixes, com exceção de algumas variedades, como salmão e truta
  • Peito de peru possui aproximadamente a metade das calorias da carne moída para uma mesma quantidade
  • Queijos que sejam isentos de gorduras
  • Peito de frango sem pele
  • Suplementos protéicos: geralmente isentos de gorduras, deliciosos e fáceis de se preparar. Compõe a maneira mais fácil de assegurar a quantidade mínima de proteínas sem exceder nos carboidratos

3] BOA REFEIÇÃO SEMPRE DEPOIS DO TREINO

Ficar definido e musculoso não é tão simples como apenas comer menos. Você precisa preservar sua musculatura durante este processo. Se treina com intensidade, pode até ganhar músculo, desde que seu corpo tenha os nutrientes que necessita. Já que a musculatura ajuda na queima de gorduras por acelerar o metabolismo, neste cenário a refeição pós-treino torna-se um fator crucial.

Durante o treino, na realidade, está colocando seu organismo em estado catabólico, o que pode ocasionar uma grande destruição de musculatura. Consumindo carboidratos e proteínas o mais rápido possível após os treinos, ajudaremos a bloquear o catabolismo desencadeado.

4] COMA MAIS VEGETAIS

No primeiro passo orientamos a diminuição do consumo de carboidratos para diminuir as calorias e a secreção de insulina. Para ajudar a cortar o apetite um pouco mais, aumente a ingestão de carboidratos ricos em fibras. Isso ajuda a manter-se satisfeito sem aumentar a quantidade de calorias consumidas diariamente. Em três copos de repolho temos apenas 45 kcal, o que é equivalente a um ou dois quartos de um chocolate tradicional.

Consuma 1 a 2 copos de qualquer um destes vegetais ao menos em três refeições:

  • Brócolis
  • Couve-Flor
  • Repolho
  • Berinjela
  • Vagem
  • Cogumelos
  • Espinafre
  • Abóbora
  • Abobrinha

5] DUAS SESSÕES DE TREINO POR DIA

Culturistas de ponta dividem o treino diário em duas sessões, separando o treino aeróbio (‘cárdio’) do com pesos. A idéia central neste procedimento reside no fato que, realizando duas sessões separadas, iremos acelerar por mais tempo o metabolismo do que se tivéssemos treinado tudo em apenas uma sessão. Um adulto de 90 kg pode chegar a queimar 800 kcal em uma sessão intensa de ‘cárdio’ e, dividindo em duas sessões, conseguirá treinar cada conteúdo em maior intensidade e, com isso, queimará mais calorias.

Implemente os seguintes procedimentos:

  • Faça o ‘cárdio’ pela manhã, antes de se alimentar
  • Utilize o treinamento intervalado. Por exemplo: 2 minutos em alta intensidade por 1-2 minutos em baixa intensidade.
  • Realize os treinos de musculação intensos com durações de 45 a 60 minutos no máximo.
  • Treine cinco dias a seis dias por semana.

6] COMA MAIS E EM PORÇÕES MENORES

O Mr Olympia Jay Cutler é um dos grandes seguidores do aumento do número de refeições. Ao invés de apenas comer menos e executar o cárdio por longas horas,  Jay prefere dividir suas refeições em um maior número: 8.

“Cada vez que você come, seu metabolismo é acelerado. Então, comer a mesma quantidade de 4-5 refeições em 7 ou mais, irá ajudar a definir. Especialmente se você está consumindo menos calorias do que o usual”, afirma Jay.

Apesar de consumir 8 refeições, você não estará aumentado seu consumo calórico. Pois estará consumindo a mesma quantidade de alimentos. Eles apenas estarão divididos em mais refeições.

7] CHÁ VERDE

Uma outra forma de acelerar o metabolismo é a utilização de suplementos que contenham o extrato de chá-verde (green tea extract). Um estudo demonstrou que o green tea pode aumentar o metabolismo em até 4%, o que trará benefícios óbvios para a perda de peso e diminuição de gordura corporal. Ingira 50-90mg de extrato de chá verde três vezes ao dia.

8] TOME MAIS ÁGUA

Quando você corta os carboidratos e come apenas as proteínas “magras”, a chance de ser tentado a realizar um ataque a geladeira cresce desproporcionalmente. Para evitar esta tentação, que sabotará todos os seus esforços, tente aumentar a ingestão de líquidos. Com menos alimentos no estômago, você precisará de algo preenchendo este vazio.

9] AUMENTE O VOLUME DA MUSCULAÇÃO

A dieta e os exercícios aeróbios são a base para a perda de gordura, mas isso não significa que a musculação não possa ajudar. Além de manter a musculatura, o que manterá o metabolismo elevado, algumas pequenas modificações no treino de musculação poderão ajudar a queimar uma grande quantidade de calorias. Para isso, irá aumentar o volume de treinamento em musculação, ou seja, o número de séries e repetições.

“Quando estou em preparação para um campeonato, modifico três coisas no treino”, explica Jay Cutler. “Aumento minhas repetições para 12, diminuo meus intervalos entre as séries para 30-60 segundos e faço mais séries para cada parte corporal. Isso queima mais calorias que meu treino anterior e posso ver a diferença em poucos dias.”

Para usar esta idéia faça o seguinte:

  • 30 segundos de intervalos entre as séries para musculaturas menores (braços, ombros, panturrilhas e abdominais) e 40-60 segundos para as maiores.
  • 10-12 repetições por série e até 15 na última série de cada exercício
  • Aumente o número total de séries em 20-30%. Por exemplo, caso atualmente você faça 8 séries no total para o bíceps, passe a fazer de 10 a 11 séries.

MMB
mm1
FACEBOOK
IMPORTANTE
O Conteúdo de MUSCLE MASSA BLOG é estritamente informativo. Antes de iniciar qualquer atividade física procure um médico, faça todos os exames e procure um profissional da área para prescrição de seus treinos individualizados. Antes de iniciar qualquer dieta consulte um Nutricionista. As informações contidas neste site não substituem a orientação de um profissional da área médica, nutricional e esportiva.
CONTATO
RICARDO MMB musclemassablog@gmail.com